Política testa apetite por risco


As expectativas positivas embutidas nos preços dos ativos começaram a tropeçar nos riscos políticos vindos de Brasília e também do ambiente externo, deixando o mercado financeiro global mais volátil neste início de mês. E as incertezas sobre a reforma da Previdência e a guerra comercial tendem a manter os negócios mais sensíveis em fevereiro.

Tanto que, ao final da primeira semana cheia deste mês, o principal índice acionário da Bolsa brasileira, o Ibovespa, registrou a primeira queda semanal desde o fim de dezembro, enquanto o dólar subiu na sexta-feira pela terceira vez seguida, já cotado acima de R$ 3,70. Já os juros futuros embutiram prêmios, principalmente no trecho de médio e longo prazos.

Para ler a íntegra do texto, acesse A Bula do Mercado no site Seu Dinheiro.

#reforma #reformas #Previdencia #Congresso #Bolsonaro #Trump #China #guerracomercial #tradewar #shutdown

Posts Destacados
Posts Recentes