Dia de agenda cheia agita mercados


A terça-feira promete ser agitada nos mercados no Brasil, em meio ao ambiente positivo no exterior por causa das renovadas esperanças em torno da guerra comercial. Pela manhã, de hora em hora, estão previstos divulgações e eventos domésticos que devem roubar a atenção dos investidores, trazendo uma dose extra de volatilidade aos negócios locais.

O pregão ainda nem estará aberto quando o Banco Central publicar (8h) a ata da reunião da semana passada do Comitê de Política Monetária (Copom), quando a taxa básica de juros caiu mais meio ponto percentual (pp). No documento, os investidores esperam encontrar sinais de que a Selic pode ficar abaixo de 5% até o fim deste ano.

Para ler a íntegra do texto, acesse A Bula do Mercado no site Seu Dinheiro.

#Copom #IPCA15 #Bolsonaro #ONU #FederalReserve #guerracomercial #China #Trump

Posts Destacados
Posts Recentes
Posts Relacionados