Mercado se ajusta aos BCs

31.10.2019

 

Enquanto o Federal Reserve (Fed) sinalizou que não deve mexer nos juros norte-americanos tão cedo, o Comitê de Política Monetária (Copom) foi bem claro ao indicar que haverá mais um corte de 0,50 ponto na Selic em dezembro, após reduzir a taxa para 5% ontem. Depois, porém, o Banco Central brasileiro também pode encerrar o ciclo.  

 

E o mercado financeiro faz os ajustes necessários a esses prognósticos neste último pregão do mês. Lá fora, os índices futuros das bolsas de Nova York amanheceram em alta e o dólar, em queda, após a pausa indicada pelo Fed, com o presidente Jerome Powell afirmando que é necessária uma “mudança material” para justificar outro corte na taxa de juros norte-americana. 

 

Para ler a íntegra do texto, acesse A Bula do Mercado no site Seu Dinheiro.

 

Please reload

Posts Destacados

Tensão política pressiona mercados

13.11.2019

1/6
Please reload

Posts Recentes

06.11.2019

Please reload

Posts Relacionados
Please reload

Inscreva-se 

Receba as principais notícias por e-mail.

 

  • Facebook Long Shadow
  • LinkedIn Long Shadow

Por favor, insira um email válido

© 2015  Olívia Bulla By ImageLab.